Prepare-se: Está chegando o 36º Festival de Dança de Joinville

O Festival de Dança de Joinville já se tornou famoso, não só na própria cidade, considerada a cidade da dança, como em todo o País. O evento é uma ótima oportunidade para visitar a maior cidade do estado de Santa Catarina. Encontre um hotel com preço bom em Joinville e aproveite a programação do Festival de Dança e também as opções de lazer na cidade.

Festival de Dança de Joinville, o maior do mundo  

Durante dez dias, que vão de 17 a 28 de julho de 2018, o maior festival de dança do mundo – segundo o Guinnes Book – oferece ao público o que há de melhor na dança.

São apresentações de todos os gêneros, do balé clássico, passando por danças urbanas e populares, até sapateado, jazz e dança contemporânea. Companhias de dança já renomadas disputam os prêmios em cada categoria. Os vencedores se apresentam novamente no último dia, na chamada Noite dos Campeões.

Além destas apresentações da Mostra Competitiva, há inúmeras outras atrações, como palcos abertos nos shoppings da cidade, realização de cursos e oficinas e noites especiais como as de Abertura e de Gala.

A 36 ª edição do festival, com apoio de patrocinadores e promovido pelo Instituto Festival de Dança de Joinville, contará com a participação de mais de 6 mil participantes diretos e um público estimado em 210 mil pessoas.

Onde é e como comprar ingressos?   

O Festival de Dança de Joinville é sempre realizado no Centreventos Cau Hansen. Os ingressos podem ser adquiridos no próprio local ou pela internet.

O evento é aberto ao público de todas as idades. Têm direito à meia entrada todos os doadores de sangue, professores da rede estadual de Santa Catarina e do município de Joinville, estudantes, idosos e quem for ao Festival usando bicicleta. Os valores variam de R$ 24,00 a R$ 110,00.

Veja quem já participou!

Para se ter uma ideia da qualidade do Festival, basta dizer que dele já participaram o Ballet Bolshoi, que inclusive mantém em Joinville, a única filial fora da Rússia; David Parsons (EUA); Teatro Colón (Argentina); S’poart (França); Mazowske (Polônia); Mikhail Baryshnikov e Hell’s Kitchen Dance (EUA).

E, claro, brasileiros reconhecidos internacionalmente, como Ana Botafogo, Cecília Kerche, Carlinhos de Jesus, além dos Balés Municipais do Rio de Janeiro e de São Paulo.

Joinville se transforma

A cidade passa por uma transformação nos dez dias do festival. Os eventos se estendem por toda Joinville, acrescentando mais opções de atividades culturais, como mostras de danças, cursos, oficinas e apresentações teatrais. O festival também impacta a programação dos bares e dos restaurantes.

Inclusive, em 2018, excepcionalmente, será lançada a construção de um Centro de Dança, próximo ao Centreventos Cau Hansen. O espaço será destinado exclusivamente para novas escolas de dança, nas quais haverá cursos no decorrer do ano todo, profissionalizando e aperfeiçoando ainda mais a “cidade da dança”.

Hotel com preço bom em Joinville

O Hotel Bavarium fica bem pertinho do Centreventos Cau Hansen, onde é realizado o Festival de Dança. Lá, você pode encontrar tranquilidade, segurança e conforto, tudo com um preço bem acessível.

O hotel conta, ainda, com WiFi em todos os ambientes e estacionamento gratuitos. E, ainda, um gostoso café da manhã tipo colonial com comidas típicas alemãs, produzidas no próprio local.

Faça sua reserva com a gente!