Prost! Conheça as cervejas de Joinville

Como em qualquer cidade de colonização alemã, Joinville, a maior de Santa Catarina, não foge à regra quando o assunto é produção de cerveja. Das industriais às artesanais, a cidade alia tradição e inovação. Se você é um bom degustador de cervejas, não pode deixar de visitar o município. Além de mostrar as principais cervejas de Joinville, neste post também vamos sugerir hotel com preço bom, tudo para que você possa apreciar com calma as delícias feitas pelos mestres cervejeiros.

Como começou a tradição da cerveja?

Uma das principais marcas de cerveja do País já teve uma unidade fabril em Joinville. Antes de ser Antarctica, a cerveja de Joinville começou a ser produzida com outro nome já no século 19, sendo comprada pela companhia na década de 50.

Desde aquela época, esta história é conhecida e divulgada pelos mais velhos até os dias de hoje, quase 20 anos após seu fechamento oficial. Eles contam que a qualidade da cerveja vinha do fato de ser usada para sua fabricação, a água mais pura do Brasil, a de Joinville.  

A história garante que havia duas fontes de água fresca e cristalina que abasteciam a fábrica: uma de 120 metros de profundidade e outra de 60, ambas brotando no próprio terreno da fábrica. Hoje o antigo prédio abriga a Cidadela Cultural Antarctica, um espaço para exposições e apresentações teatrais.

Além da Antarctica e de outras artesanais espalhadas pelos clubes de caça e tiro, havia ainda sete grandes cervejarias joinvilenses:

  • Perner
  • Reinold
  • Czernay
  • Schmalz
  • Kuhne
  • Berner
  • Max Ravache.

As cervejas artesanais de Joinville

O tempo passou e a produção da cerveja ganhou o gosto e conhecimento popular, aumentando a quantidade de mestres cervejeiros e qualificando o processo de produção. São centenas de marcas sendo produzidas no Sul do País, sendo que em Joinville, duas delas se destacam por serem artesanais: a Zeit e a Opa Bier.

A Zeit, que significa “tempo” em alemão, tem um galo como logomarca, justamente para representar a renovação deste tempo. A marca se destaca não somente pelas opções de sabores, como também pelas embalagens de suas latas de 473 ml.

Autênticas e coloridas, trazem em seu interior sabores que vão ficar na sua memória, como por exemplo, a Siciliana Witbier, que possui em sua composição raspas de laranja e limão siciliano com fundo de coentro e camomila. Ou seja, o sabor é inigualável. Há também outros cinco tipos, das mais escuras às claras, sempre surpreendendo quem experimenta pela primeira vez.

Outra famosa cerveja de Joinville é a Opa Bier. Com cinco pubs e restaurantes e mais sete lojas espalhadas pela cidade, possui 14 opções de cerveja, desde o tipo Pilsen – o mais consumido do mundo – até o Porter, de origem inglesa, com sabor forte e encorpado, coloração escura e que acompanha bem nas refeições com carnes vermelhas ou para quem fuma charuto.

Onde degustar a cerveja joinvilense?

Alguns pubs e restaurantes servem com exclusividade as cervejas de Joinville, como por exemplo, o Biergarten, localizado na Via Gastronômica, bem na área central. Outra opção é o Pórtico Opa Bier, localizado na entrada da cidade, junto ao pórtico e ao moinho, dois cartões postais joinvilenses.

Aproveite para fazer muitas fotos, comprar uma lembrança da cidade das flores e beber sua bebida predileta preparada artesanalmente com muito lúpulo, malte e especiarias. Deu vontade de degustar uma a uma estas cervejas artesanais?

Que tal fazer sua reserva num hotel com preço bom em Joinville? Conheça o Hotel Bavarium, que carrega até no nome a semelhança com uma das regiões mais tradicionais da cerveja alemã: a Baviera.